domingo, 22 de março de 2009

FESTIVAL ASSIM VIVEMOS

IV EDIÇÃO DO FESTIVAL ASSIM VIVEMOS


Queremos conhecer todas as novas produções! Filmes de ficção com atores com deficiência, documentários ou animações sobre pessoas com deficiência; novos personagens, idéias, abordagens, propostas e estéticas...

Em 2009, o Festival Assim Vivemos chega à sua quarta edição, com uma grande novidade: realizaremos o festival também em São Paulo, no Centro Cultural Banco do Brasil. Outras cidades podem ainda receber o festival este ano.

Leia o regulamento, preencha a ficha de inscrição e envie seu filme!
Inscrição on-line no site: até dia 11 de maio de 2009
Recebimento do material de seleção: até 22 de maio de 2009

Mais informações:
Telefone: (21) 2235-5255; (21) 2235-5440
E-mail: festival2009@assimvivemos.com.br
Site: www.assimvivemos.com.br

SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO SUS/RS


SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO SUS
ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL


PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA COMPLEMENTAR – PAC
Av. Borges de Medeiros, 1501. 4º andar, Ala Sul. Bairro: Centro. Porto Alegre - RS
Telefone: (51) 3288-5934; (51) 3288-5935; (51) 3288-5976
Site: http://www.saude.rs.gov.br/wsa/portal/index.jsp?menu=servicos&cod=12693

Informações sobre Serviços de Atendimento no Estado do Rio Grande do Sul:
Site: http://www.saude.rs.gov.br/wsa/portal/index.jsp?menu=servicos&cod=13246

INCLUSÃO DIGITAL MUITO ESPECIAL

PROJETO INCLUSÃO DIGITAL MUITO ESPECIAL



A inclusão digital é a porta de entrada da pessoa com deficiência no mercado de trabalho.
Está aberta a conexão com o conhecimento e o acesso é para todos.
Descubra um mundo virtual, de pensamentos sensações e oportunidades reais.


O Instituto Muito Especial em parceria com o Ministério da Ciência e Tecnologia e a Prefeitura de São João de Meriti realizará o Projeto Inclusão Digital Muito Especial.

O projeto visa qualificar pessoas com deficiência para o mercado de trabalho oferecendo cursos de informática gratuitos, onde o aluno não paga nada para participar.

As turmas serão formadas por 20 alunos com aulas alternadas de segunda a sábado. Cada aluno poderá participar de quantos cursos desejar, desde que as aulas ocorram em horários diferentes.

Relação dos cursos oferecidos:
Domínio do teclado e mouse, sistema operacional e internet
Digitação
Editor de Texto
Planilha Eletrônica
Programação
Manutenção de microcomputador
Desenvolvimento de sites
Motrix
Dosvox

Inscrições abertas vagas limitadas. As inscrições podem ser feitas pelo site http://www.inclusaodigital.org.br ou através do telefone: (21) 2286-3306.

Local: Centro Cultural. Praça dos Três Poderes, s/n. Vilar dos Teles. São João de Meriti - RJ
Mais informações:
Telefone: (21) 3239-1864
E-mail: contato@muitoespecial.com.br
Site: http://www.inclusaodigital.org.br

SEGUNDO EPISÓDIO DO PROGRAMA "ASSIM VIVEMOS"

SEGUNDO EPISÓDIO DO PROGRAMA ASSIM VIVEMOS NA TV BRASIL

Domingo, dia 22 de março, às 18h30, com Audiodescrição, LIBRAS e Closed Caption.


O filme A Largura e o Comprimento do Céu mostra a vida e o trabalho de Jean-Claude Grenier, que nasceu com ossos frágeis, domou a deficiência e se tornou ator, fascinando o público europeu ao atuar na versão para o teatro do polêmico filme Freaks. Tudo foi documentado pela cineasta Dominique Margot, resultando no média-metragem que a TV Brasil exibe neste domingo, dia 22, dentro do Programa Assim Vivemos. O filme também mostra Jean-Claude em outras montagens teatrais européias de beleza extraordinária.

Depois de três edições bienais do Festival Assim Vivemos, a produtora Lara Pozzobon e o cineasta Gustavo Acioli decidiram levar a idéia para a televisão. O programa busca romper as barreiras do preconceito ao deslocar as discussões sobre pessoas com deficiência para os meios dedicados à arte e à cultura, estimulando o debate e a formação de novos pontos de vista. Apresentado pela jornalista Moira Braga, que é cega, e pelo ator Nelson Pimenta, surdo, o Assim Vivemos exibe sempre filmes que mostram diversas formas de inclusão e perfis de pessoas com deficiência que fazem a diferença, ora dirigidos por Gustavo Acioli, ora pela diretora convidada Anna Azevedo. O perfil deste domingo é de Lilia Pinto Martins, psicóloga e presidente do CVI, Centro de Vida Independente, com sede na PUC-RJ.

Data: 22 de março de 2009
Horário: 18:30
Local: TV Brasil
Site: www.tvbrasil.org.br/assimvivemos

segunda-feira, 16 de março de 2009

GOVERNO CONVOCA CONFERÊNCIA NACIONAL DE COMUNICAÇÃO

GOVERNO CONVOCA CONFERÊNCIA NACIONAL DE COMUNICAÇÃO


O Governo Federal convocou, na última quarta-feira, 16 de abril, a 1ª Conferência Nacional de Comunicação.

Decreto de 16 de abril de 2009.

Convoca a 1a Conferência Nacional de Comunicação - Confecom e dá outras providências.

O Presidente da República, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, inciso VI, alínea “a”, da Constituição,

Decreta:

Art. 1o Fica convocada a 1a Conferência Nacional de Comunicação - Confecom, a se realizar de 1o a 3 dezembro de 2009, em Brasília, após concluídas as etapas regionais, sob a coordenação do Ministério das Comunicações, que desenvolverá os seus trabalhos com o tema: “Comunicação: meios para a construção de direitos e de cidadania na era digital”.

Art. 2o A 1a Confecom será presidida pelo Ministro de Estado das Comunicações, ou por quem este indicar, e terá a participação de delegados representantes da sociedade civil, eleitos em conferências estaduais e distrital, e de delegados representantes do poder público.

Parágrafo único. O Ministro de Estado das Comunicações contará com a colaboração direta dos Ministros de Estado Chefes da Secretaria-Geral e da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, na coordenação dos trabalhos para a realização da Conferência.

Art. 3o O Ministro de Estado das Comunicações constituirá, mediante portaria, comissão organizadora com vistas à elaboração do regimento interno da 1a Confecom, composta por representantes da sociedade e do poder público.

Parágrafo único. O regimento interno de que trata o caput disporá sobre a organização e o funcionamento da 1a Confecom nas suas etapas municipal, estadual, distrital e nacional, inclusive sobre o processo democrático de escolha de seus delegados, e será editado mediante portaria do Ministro de Estado das Comunicações.

Art. 4o As despesas com a realização da 1a Confecom correrão por conta dos recursos orçamentários do Ministério das Comunicações.

Art. 5o Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, 16 de abril de 2009; 188o da Independência e 121o da República.

Luiz Inácio Lula da Silva
Hélio Costa
Este texto não substitui o publicado no DOU de 17.4.2009

O decreto foi publicado no Diário Oficial da União daquele dia e pode ser acessado neste link:
http://www.in.gov.br/imprensa/pesquisa/pesquisaresultado.jsp

AUTISMO E MEDICAÇÃO

PROGRAMA DE PALESTRAS "MEU FILHO TEM AUTISMO"


Palestra: "Quando o remédio pode ajudar?"
Tema: Abordagem medicamentosa e Transtornos Globais do Desenvolvimento
Data: 30 de março de 2009
Horário: 18:30 às 20:30
Local: AMA-SP (Rua Luís Gama, 890. Bairro: Cambuci). São Paulo - SP
As palestras são gratuitas. Os interessados devem levar 1kg de alimento não perecível e trocá-lo por uma senha, a partir das 17:30, no dia da palestra.
Mais informações:
Telefone: (11) 3376-4401
Site: http://www.ama.org.br/html/inst_even.php?cod=42

domingo, 15 de março de 2009

AVAPE FIRMA PARCERIA COM BID

AVAPE FIRMA PARCERIA COM BID PARA AMPLIAR PROJETO DE PROFISSIONALIZAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA


A Associação Para Valorização e Promoção de Excepcionais [AVAPE], instituição localizada em São Paulo (SP) e que trabalha com prevenção, diagnóstico, reabilitação clínica e profissional, qualificação, colocação profissional e na defesa de direitos de pessoas com deficiência, está expandindo sua atuação pelo Brasil. Através de uma parceria firmada com o Banco Interamericano de Desenvolvimento [BID], que será o financiador das novas unidades, a AVAPE está abrindo processo seletivo de ONGs que trabalham com essa temática e desejam participar desse projeto.

Denominado "Expansão dos Serviços para Trabalhadores com Deficiência através de Modelos de Negócios Alternativos", o projeto adota metas ambiciosas para a ampliação da inclusão profissional de pessoas com deficiência no país. Os recursos e suporte advindos do BID, por meio do Fundo Multilateral de Investimentos, beneficiarão organizações das cinco regiões do país que serão selecionadas para a implantação dos seguintes programas desenvolvidos pela AVAPE: reabilitação, profissional, capacitação e inclusão no mercado de trabalho de pessoas com deficiência.

A AVAPE transferirá sua marca e metodologia para as organizações criteriosamente selecionadas. Para tanto, estão previstas uma série de atividades que envolvem: treinamentos dos dirigentes e equipe técnica, recebimento de manuais para implantação e operacionalização dos programas, supervisões constantes, participações em seminários internacionais, desenvolvimento e publicação de lições apreendidas e projeção na mídia local e internacional.

A proposta é que o projeto contribua para um maior fortalecimento das organizações participantes, fazendo diferença na qualidade de vida das pessoas com deficiência, ao proporcionar-lhes geração de emprego e renda.

Mais informações:

sábado, 14 de março de 2009

SÍNDROME DE DOWN - CAMISETAS COMEMORATIVAS

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN 2009
CAMISETAS COMEMORATIVAS




Esses são alguns modelos de camisetas (camisetas de gola careca, nas cores branca, verde e rosa, com o logotipo da FBASD e a expressão escrita "Inclusão para a autonomia") que a Federação produziu para a comemoração do Dia Internacional da Síndrome de Down e o Cinquentenário da Descoberta da Trissomia do XXI. Veja também o boné.
Mais informações:

sexta-feira, 13 de março de 2009

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN 2009

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN 2009
"Inclusão para a autonomia"
Programação em diversas cidades brasileiras:
http://fbasd. blogspot. com/2009/ 02/inclusao- para-autonomia. html

RS: ETAPA ESTADUAL DA CONAE SERÁ LANÇADA

LANÇAMENTO DA ETAPA ESTADUAL DA CONFERÊNCIA NACIONAL DE EDUCAÇÃO
Data: 17 de março de 2009
Horário: 14h
Local: Teatro Dante Barone da Assembléia Legislativa. Porto Alegre - RS



RS: ETAPA ESTADUAL DA CONAE SERÁ LANÇADA


As entidades que compõem a Comissão Organizadora Estadual da Conferência Nacional de Educação (CONAE) vão lançar a etapa estadual no dia 17 de março, às 14h, no Teatro Dante Barone da Assembléia Legislativa, em Porto Alegre.

Em 2009, todos os setores da educação básica, técnica, superior e pós-graduação públicas e particulares do país estarão mobilizados na preparação da Conferência Nacional de Educação (CONAE). O tema central será Construindo um Sistema Nacional Articulado de Educação: Plano Nacional de Educação, suas Diretrizes e Estratégias de Ação. A Conferência Nacional de Educação, proposta pelo Ministério da Educação (MEC), acontece de 23 a 27 de abril de 2010, em Brasília.

Serão convidados para a mesa de abertura do evento do dia 17 de março os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário do estado, além do Ministério Público. Logo após a saudação inicial, vão compor a mesa os representantes do MEC Paulo Egon, da Comissão Organizadora Nacional, José Thadeu Almeida (Contee) e da Comissão Organizadora Estadual, Márcia Adriana de Carvalho (UNDIME/RS). Também estão sendo convidados para o lançamento os prefeitos e secretários de Educação de todo o estado.


CONFERÊNCIAS MUNICIPAIS E ESTADUAL

A CONAE será precedida de Conferências Municipais ou intermunicipais, previstas para o primeiro semestre de 2009 (até 30 de junho) e de Conferências Estaduais e do Distrito Federal programadas para o segundo semestre do mesmo ano (até 30 de novembro). A Conferência Estadual do RS será realizada de 23 a 25 de outubro em Porto Alegre (em local a definir). Mais de 50 entidades da sociedade civil participam da comissão organizadora estadual, constituída por entidades públicas, Ministério Público, legisladores, movimentos sociais, sindical e estudantil, universidades, associações, instituições de educação profissional e governos municipais.

A Conferência pretende tratar do Regime de Colaboração, assunto prioritário para o Plano Nacional de Educação (PNE). Segundo o Secretário Executivo Adjunto do MEC, Francisco das Chagas, muitos municípios já realizam conferências, mas era necessário aproveitar a boa experiência da Conferência Nacional de Educação Básica para abranger o debate.

Todas as instituições de ensino: públicas, privadas, comunitárias e filantrópicas estão convidadas a participar. Mais de R$ 15.000.000,00 pelo governo federal serão investidos somente nas etapas municipais.

Seis eixos temáticos já foram definidos: O papel do Estado na garantia do direito à Educação de qualidade: organização da Educação Nacional; qualidade da Educação, gestão democrática e avaliação; democratização do acesso, permanência e sucesso escolar; formação e valorização dos trabalhadores em Educação; financiamento da educação e controle social; e justiça social, educação e trabalho: inclusão, diversidade e igualdade.

O Documento Referência, depois de debatido e aprovado nas Conferências Municipais e Estaduais, será encaminhado para a Conferência Nacional, em 2010. Este Documento Base será importante para o debate nacional que produzirá o Documento Final da Conferência, que deve conter as diretrizes para a Educação no País.

Fonte: SINPRO/RS

FÁBIO RIBEIRO VENCEU CONCURSO DE REDAÇÃO ESCRITA EM BRAILE SOBRE A HISTÓRIA DA MARINHA

FÁBIO RIBEIRO, ALUNO DA 7ª SÉRIE, VENCEU CONCURSO DE REDAÇÃO COM TEXTO ESCRITO EM BRAILE SOBRE A HISTÓRIA DA MARINHA


A manhã desta quinta-feira, 12 de março de 2009, ficará na memória do estudante da 7ª série da Escola Estadual Acides Barcelos, Fábio Ribeiro. O jovem de 15 anos, que é deficiente visual, irá receber das mãos do comandante do 5º Distrito Naval, vice-almirante Arthur Pires Ramos, uma homenagem e a premiação da Operação Cisne Branco. Fábio participou do concurso de redação com um texto escrito em braile e ficou em primeiro lugar nos estados que compreendem o 5º DN, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Em sua redação, o estudante falou sobre a história da Marinha do Brasil. Para isso, realizou uma pequisa na qual buscou informações sobre o assunto.

“Estou feliz e orgulhoso, pois vejo que meu esforço valeu a pena”, comenta. A mãe do estudante, Suzana Vieira Ribeiro, considera o jovem um vencedor e salienta a importância da inclusão de alunos deficientes na escola. “Estamos muito felizes com esse resultado”, afirma orgulhosa. Esta é a primeira vez que um aluno deficiente visual vence um concurso de redação da Operação Cisne Branco, realizada anualmente pela Marinha do Brasil.

Melina Brum Cezar (Jornal Agora)
Mais informações:
Site: http://www.jornalagora.com.br/site/index.php?caderno=19&noticia=63243

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN
PROGRAMAÇÃO DE SOROCABA (SP)


Sessão na Câmara Municipal de Sorocaba com pauta especial sobre o Dia Internacional da Síndrome de Down
Data: 19 de março de 2009
Horário: 11h
Local: Câmara Municipal de Sorocaba
Av. Eng. Carlos Reinaldo Mendes, 2945. Alto da Boa Vista. Sorocaba – SP.
Mais informações:
Telefone: (15) 3238-1111
Sessão na Câmara Municipal de Sorocaba com pauta especial sobre o Dia Internacional da Síndrome de Down, na ocasião o Vereador José Francisco Martinez fará uma homenagem ao casal Célia Regina dos Santos e Tomás André dos Santos pelas ações do “Felicidade Down” na busca da melhoria de vida das pessoas com Síndrome de Down de Sorocaba e região.

Comemorações Oficiais de Sorocaba no Dia Internacional da Síndrome de Down
Data: 21 de março de 2009
Horário: 19:30
Local: Auditório da Igreja do Evangelho Quadrangular
Av. Dr. Artur Bernardes, 655. Jardim Maria do Carmo. Sorocaba – SP.
Mais informações:
Telefone: (15) 3221-4377
O grupo “Felicidade Down” que tem como objetivo a Amizade, o Companheirismo, a Socialização e a Integração com o Mercado de Trabalho, realiza seu tradicional evento anual com a presença de pais, familiares, amigos, empresários, e autoridades.
Com o tema “Inclusão para a Autonomia”, será mostrado um painel com todas as ações realizadas pelo “Felicidade Down” nos últimos meses.
Como sempre teremos diversas apresentações de jovens e adolescentes com Síndrome de Down.
No final um coquetel abrira o espaço para a integração e convivência de todos os participantes.

APAE DE MIRANDA REALIZA SEMINÁRIO

2º SEMINÁRIO DESCENTRALIZADO DA 6ª REGIÃO ADMINISTRATIVA
DAS APAES DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL
“Educação Inclusiva – meios e efeitos”
Data: 27 e 28 de março de 2009
Local: Parque 16 de Julho. Miranda - MS
Mais informações:
Telefone: (67) 3242-3583

quinta-feira, 12 de março de 2009

CURSO DE LIBRAS

CURSO DE TRADUTOR/ INTÉRPRETE DE LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS - LIBRAS
Data: maio de 2009 a junho de 2010 (sábados)
Horário: 8:30 às 18h
Aula inaugural: 8 de maio de 2009
Horário: 19:30 às 22h
Local: Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). Canoas - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 3477-9091 com Carla
E-mail: viniciusmartinsf@gmail.com
Site: http://www.youtube.com/watch?v=irct5N95prs

NOVA SÉRIE "ASSIM VIVEMOS"

NOVA SÉRIE "ASSIM VIVEMOS"


A nova série da TV Brasil - Assim Vivemos - estréia no domingo, dia 15 de março, às 18:30, contemplando todas as acessibilidades para o telespectador. A TV pública exibe o programa Assim Vivemos cumprindo seu objetivo de debater e mostrar os problemas que envolvem a população brasileira e, ao mesmo tempo, contribuindo para a construção da cidadania e a inclusão de todos os brasileiros.


ASSIM VIVEMOS, 26 EPISÓDIOS QUE INVESTEM NA INCLUSÃO

A série mostrará histórias de inclusão e superação no Brasil e no mundo, veiculando filmes e depoimentos que mostram que é possível quebrar barreiras, paradigmas e superar preconceitos culturais e de costumes. Composto de 26 episódios, cada programa mostrará sempre a vida de um personagem e um ou dois documentários. A apresentação será de Moira Braga e Nelson Pimenta.

Moira é formada em Comunicação pela UniverCidade e tem deficiência visual. Nelson é ator e formado em Cinema na Faculdade Estácio de Sá, no Rio. Ele tem deficiência auditiva. Os dois apresentam Assim Vivemos, simultaneamente: Moira narra em língua portuguesa e Nelson, em LIBRAS, língua dos sinais para pessoas com deficiência auditiva.

Para as pessoas com deficiência visual, o programa possibilitará a audiodescrição (narração em off, descrevendo as informações que estão na imagem e que não podem ser percebidas somente pelo som: cenários, paisagens, ações, gestos, figurinos etc). As pessoas com deficiência auditiva obterão as informações por meio de um intérprete (no canto da tela), que traduz o filme para LIBRAS e também estará disponível o recurso da legenda oculta, que contém as informações de ruídos e músicas.


ESTRÉIA

O programa Assim Vivemos, da TV Brasil, além de exibir curtas dos mais diferentes lugares do mundo sobre pessoas com deficiência, também produzirá um quadro chamado Personagem da Semana, no qual traçará, em poucos minutos (de 2 a 4 minutos), o perfil de um personagem brasileiro com deficiência que esteja inserido de maneira bem sucedida na sociedade.

No primeiro programa, o personagem da semana será o Gabrielzinho do Irajá. Gabrielzinho será mostrado em diversas situações: na escola (dentro da sala de aula, copiando a lição em braile, convivendo com os colegas e falando da sua experiência como estudante cego), em casa (cantando, tocando teclado e falando da sua vida na música) e no desfile da escola de samba mirim da Portela, a Filhos da Águia (ele é o intérprete da escola e o autor do hino, que é cantado antes do desfile começar). Ele nos fala da importância da convivência das crianças “ditas normais” com as crianças com deficiência, do valor de ter recebido pela primeira vez, este ano, os livros didáticos em braile e do que representa a música na sua vida. Gabrielzinho ficou conhecido, aos nove anos de idade, quando atuou na novela América, da TV Globo.

O programa Assim Vivemos mostrará, ainda, dois curtas-metragens de sucesso: A pessoa é Para o Que Nasce (documentário, 35 mm , 6 minutos – Brasil, 1998), dirigido por Roberto Berliner, que conta a experiência da vida sem visão de três irmãs cegas, em Campina Grande , na Paraíba, que cantam em troca de esmolas, e Egito (documentário, 16mm, 10 minutos - Áustria, 1998), dirigido por Katrin Resetarits.


DEPOIS DO PROGRAMA, PARTICIPE DO BATE-PAPO

Ao final de cada programa, os telespectadores poderão participar do bate-papo no site da TV Brasil (www.tvbrasil.org.br/assimvivemos) - sempre com a presença de um convidado especial. Assim Vivemos contará, ainda, com um fórum permanente de discussões e quem se cadastrar poderá assistir ao programa da semana. O site será comandado por Marco Antonio de Queiroz, o MAQ - consultor de acessibilidade na internet e engajado nos movimentos pelos direitos das pessoas com deficiência. Ele próprio tem deficiência visual.

O programa Assim Vivemos surgiu a partir do Festival Internacional de Filmes sobre Deficiência, de 2003, realizado no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), que apresentou uma mostra com o mesmo nome. A recepção do público e da mídia foi tão boa que, em 2005, a mostra virou um festival bienal (com edições em 2005, 2007).

Data: 15 de março de 2009
Horário: 18:30
Local: TV Brasil

quarta-feira, 11 de março de 2009

POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE

AULA MAGNA “POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE”
Data: 23 de março de 2009
Horário: 19h
Local: Salão de Atos da ULBRA de Cachoeira
Rua Martinho Lutero, 301. Bairro: Universitário. Cachoeira do Sul - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 3723-4000
E-mail: ulbracds@ulbra.br

FÓRUM REGIONAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

FÓRUM REGIONAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA
Evento de Instalação do Fórum Regional da Subprefeitura de Vila Mariana
Data: 19 de março de 2009
Horário: 9h às 12:30
Local: SESC Vila Mariana (Rua Pelotas 141. Vila Mariana). São Paulo - SP
Mais informações:
E-mail: forumvm@uol.com.br

ISENÇÃO DO IR SOBRE APOSENTADORIA DE PESSOAS COM DIABETES MELITO E FIBROSE CÍSTICA

CAS APROVA ISENÇÃO ISENÇÃO DO IR SOBRE APOSENTADORIA
DE PORTADORES DE DIABETES MELITO E FIBROSE CÍSTICA


A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou, nesta quarta-feira (11 de março de 2009), projeto de lei do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) que isenta da cobrança do Imposto de Renda sobre proventos de aposentadoria ou reforma os portadores do diabetes melito e da fibrose cística. A proposta segue para a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), onde será examinada em decisão terminativa.

O PLS 390/08 acrescenta essas duas doenças crônico-degenerativas à lista definida pela legislação federal como "passível de isenção fiscal", em virtude dos seus graves efeitos sobre a saúde e dos vultosos gastos com tratamento e possíveis complicações físicas e mentais.

Em seu relatório, favorável à aprovação da matéria, o senador Papaléo Paes (PSDB-AP) argumenta que a isenção do pagamento de Imposto de Renda sobre proventos de aposentadoria ou reforma permitirá ao contribuinte dispor de mais recursos para cuidar de sua saúde, evitando complicações e necessidade de procedimentos terapêuticos especializados e de custo elevado como internações, hemodiálise, amputação de membros e revascularização cardíaca.

Requerimentos

A CAS aprovou, ainda, requerimento do senador Efraim Morais (DEM-PB) para realização de audiência pública com o ministro das Cidades, Márcio Fortes, sobre investimentos em saneamento básico.

O senador se referiu a informações publicadas pela imprensa dando conta de que a União devolveu ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) US$ 57 milhões destinados a projetos de saneamento em vários municípios brasileiros que não foram implementados.

A CAS aprovou, ainda, requerimentos dos senadores Inácio Arruda (PCdoB-CE) e Paulo Paim (PT-RS) para realização de audiências públicas conjuntas com a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) sobre a crise econômica mundial e as medidas para reduzir seus efeitos no Brasil.

Também foi aprovado requerimento da senadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN) de realização de audiência pública para debater a Política Nacional de Saúde Mental.

Laura Fonseca (Agência Senado)

SEMANA DOS DIREITOS HUMANOS


SEMANA DOS DIREITOS HUMANOS
"Cidadania e Acesso à Justiça"
Data: 16 março a 20 de março de 2009
Horário: 19h
Local: Salão Nobre da Faculdade de Direito da UFRGS
Av. João Pessoa, 80. Centro. Porto Alegre - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 9199-1436
E-mail: saju@ufrgs.br
Site: http://www.ufrgs.br/saju
Programação: http://www.ufrgs.br/saju/sdh2009/semanadedireitoshumanos.jpg

PROJETO “-PAI? -PRESENTE!”

LANÇAMENTO DO PROJETO “-PAI? -PRESENTE!”


Aproximadamente 300 pessoas da comunidade de São Sebastião do Caí assistiram ontem à noite, dia 10 de março, no Centro de Cultura, o lançamento do projeto Pai? – Presente!, que tem o engajamento da prefeitura do município, da Associação do Ministério Público e da ONG Brasil Sem Grades. O objetivo é mobilizar toda a comunidade para combater, além da evasão escolar, drogas, delinquência juvenil e comportamentos antisociais como vandalismo e prostituição infantil.

O prefeito de São Sebastião do Caí, Darci Lauermann, ressaltou a importância do evento. “O nosso município está sendo pioneiro no lançamento deste projeto de cunho social, que envolve a promotoria, o judiciário, a prefeitura e, principalmente, a comunidade”, salientou Lauermann.

O promotor de Justiça do município, Charles Martins enfatizou que os promotores do Estado, através da Associação do Ministério Público, estão engajados no projeto. “Precisamos trabalhar, juntos, na prevenção dos atos ilícitos”, finalizou.

O presidente da ONG Brasil Sem Grades, Luiz Fernando Oderich, apresentou o projeto, detalhando os itens para a comunidade e autoridades locais. Salientou o ciclo problemático que envolve os jovens como o empurra-empurra de responsabilidades. “A família transfere sua responsabilidade para a escola, que a transporta para o Conselho Tutelar que, por sua vez, manda para o Ministério Público, sendo que este julga e encaminha para a Fundação de Atendimento Sócioeducativo (Fase). A proposta deste projeto é, justamente, quebrar este ciclo. Entre a família e a escola, precisamos ter a figura do Pai”, enfatizou Oderich.

Oderich apresentou alguns dados referentes à ausência paterna. “Foi realizada pesquisa no Centro de Atendimento Sócioeducativo (Case) de Caxias do Sul, onde 71% dos adolescentes infratores não tinham o nome do pai na certidão de nascimento. Também existem números que apontam que 67% dos casos de drogas e crimes cometidos estão relacionados à ausência paterna”, destacou Oderich.

“O projeto tem como base a educação e, para tanto, serão apresentados vídeos em escolas, no comércio, nas fábricas, enfim, em todos os lugares que possamos mobilizar a comunidade caiense. Queremos fazer um levantamento dos pais que não reconhecem os filhos e não pagam pensão, daqueles que reconhecem e pagam pensão e daqueles que reconhecem, pagam pensão e apenas visitam. Não queremos que os pais apenas visitem seus filhos, mas que participem da educação da sua prole, que estejam realmente presentes na família”, salientou Oderich.

Fonte: Enfato Comunicação

Mais informações:

terça-feira, 10 de março de 2009

FÓRUM PERMANENTE DA POLÍTICA PÚBLICA ESTADUAL PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E PESSOAS COM ALTAS HABILIDADES DO RS

72ª PLENÁRIA DO FÓRUM PERMANENTE DA POLÍTICA PÚBLICA ESTADUAL PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E PESSOAS COM ALTAS HABILIDADES
Data: 25 e 26 de março de 2009
Local: Sociedade Cultural Esportiva Centenário
Rua Marechal Floriano, 365. Centro. Agudo - RS
Mais informações:
Telefone: (55) 3265-1144
E-mail: pmagudo.educacao@terra.com.br

FINALISTAS DA 2ª EDIÇÃO DO PREMIO SENTIDOS


DIVULGADOS OS 3 FINALISTAS DA 2ª EDIÇÃO DO PREMIO SENTIDOS


Grandes histórias de superação e iniciativas que fomentam a inclusão social de pessoas com deficiência vão abrilhantar a cerimônia de premiação que acontecerá no dia 4 de abril de 2009 durante a Reatech 2009.

A comissão organizadora do Premio Sentidos anuncia os três finalistas, de cada uma das seis categorias, da segunda edição desta iniciativa da Revista Sentidos, AVAPE, Instituto Ressoar, Rede Record de Rádio e Televisão e com o apoio da Secretaria Estadual dos Direitos das Pessoas com Deficiência do Estado de São Paulo, ADVB - Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil, The Key, Net Cidade e Trama Comunicações.

Conheça abaixo o perfil e história de superação de cada um dos candidatos, assim como os indicados à Menção Honrosa nas categoriais Empresas e Terceiro Setor. No próximo dia 17 de março, acontecerá a reunião da Comissão Julgadora que escolherá os vencedores do Premio Sentidos.

Nesta segunda edição, a novidade ficou por conta da introdução do Júri Popular que escolherá, através do voto pela internet (www.sentidos.com.br), o caso que melhor ilustra o objetivo principal do Premio, que é a valorização das histórias de superação das pessoas com deficiência.

Os vencedores serão conhecidos no evento de premiação, marcado para o dia 4 de abril de 2009, a partir das 19 horas no Pavilhão Imigrantes durante a realização da REATECH, maior feira de reabilitação e inclusão de pessoas com deficiência da América Latina. Para mais informações sobre a feira e fazer sua inscrição gratuita acesse o site: www.feirasnacipa.com.br/reatech

Mais informações:
Site: http://sentidos.uol.com.br/canais/materia.asp?codpag=13237&canal=ligado

SESSÃO SOLENE EM COMEMORAÇÃO AOS 50 ANOS DA DESCOBERTA DA TRISSOMIA DO CROMOSSOMO 21

SESSÃO SOLENE EM COMEMORAÇÃO AOS 50 ANOS DA DESCOBERTA DA TRISSOMIA DO CROMOSSOMO 21 - SÍNDROME DE DOWN
Data: 19 de março de 2009
Horário: 19h
Local: Salão Nobre. 8° andar da Câmara Municipal de São Paulo. Palácio Anchieta. Viaduto Jacaréi, 100. Centro. São Paulo - SP
Mais informações:
Site: http://fbasd.blogspot.com

CICLO CINEMA E DIREITOS HUMANOS

CICLO CINEMA E DIREITOS HUMANOS
Documentário: “Iraque à Venda”
Data: 16 de março de 2009
Horário: 20:30
Local: Sala Redenção da UFRGS. Campus Central. Porto Alegre - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 9226-4317

ANEMIA FALCIFORME E EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE

ANEMIA FALCIFORME E EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE
Data: 19 de março de 2009
Horário: 8:30 às 17:30
Local: SESC – Consolação
Rua Dr. Vila Nova 245. Vila Buarque. São Paulo - SP
Mais informações:
Telefone: (11) 2225-3994
E-mail: anemiafalciforme@terra.com.br

PRECISA-SE DE PESSOAS...

PRECISA-SE DE PESSOAS...


Precisa-se de pessoas que tenham os pés na terra e a cabeça nas estrelas.

Capazes de sonhar, sem medo de seus sonhos.

Tão idealistas que transformem seus sonhos em metas.

Pessoas tão práticas que sejam capazes de tornar suas metas realidade.

Pessoas determinadas que nunca abram mão de construir seus destinos.

Que não temam mudanças e saibam tirar proveito delas.

Que tornem seu trabalho objeto de prazer e uma porção substancial de realização pessoal.

Pessoas com dignidade, que se conduzam com coerência em seus discursos, seus atos, suas crenças e seus valores.

Precisa-se de pessoas que questionem, não pela simples contestação, mas pela necessidade íntima de só aplicar as melhores idéias.

Pessoas que mostrem sua face serena de parceiros leais, sem se mostrar superiores nem inferiores, mas... iguais.

Precisa-se de pessoas ávidas por aprender e que se orgulhem de absorver o novo.

Pessoas que não se empolguem com seu próprio brilho, mas com o brilho do resultado alcançado em conjunto.

Precisa-se de pessoas que enxerguem as árvores, mas também prestem atenção na magia da floresta, que tenham a percepção do todo e da parte.

Seres humanos justos, que inspirem confiança e demonstrem confiança nos parceiros, estimulando-os, energizando-os, sem receio que lhe façam sombra e sim orgulhando-se deles.

Precisa-se de pessoas que criem em torno de si um ambiente de entusiasmo, de liberdade, de responsabilidade, de determinação, de respeito e de amizade.

Precisa-se de seres racionais.

Tão racionais que compreendam que sua realização pessoal está atrelada à vazão de suas emoções.

É na emoção que encontramos a razão de viver.

Precisa-se de gente que saiba administrar coisas e liderar pessoas.

Precisa-se, urgentemente, juntar essas pessoas e recriar caminhos!

segunda-feira, 9 de março de 2009

SIMPÓSIO SÍNDROME DE DOWN SP


SIMPÓSIO SÍNDROME DE DOWN – CINQUENTENÁRIO DA TRISSOMIA DO 21
Data: 21 e 22 de março de 2009
Local: Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (anexo ao Memorial da América Latina). Av. Auro Soares de Moura Andrade, 564. Portão 10 (Antigo bloco Parlatino). Barra Funda. São Paulo – SP
Mais informações:
Telefone: (11) 3721-6200
E-mail: simposio@sindromededown.com.br

EMPOSSADO NOVO CONSELHO MUNICIPAL DA CRIANÇA

EMPOSSADO NOVO CONSELHO MUNICIPAL DA CRIANÇA


Os membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Porto Alegre para a gestão 2009/2010 foram empossados na manhã de hoje, 9 de março de 2009, pelo prefeito em exercício José Fortunati. A solenidade ocorreu no Salão Nobre do Paço Municipal. Foi empossado presidente do conselho Frei Luciano Elias Bruxel, que destacou a importância do trabalho realizado com o Fórum Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, presidido por Nelcinda Aguirre da Silva.

A secretária de Coordenação Política e Governança Local, Clênia Maranhão, parabenizou as pessoas que dedicam as suas vidas à garantia dos direitos das crianças. "Este ato também é um reconhecimento pleno do trabalho abnegado que enfrenta a violência, resgata a integridade e o direito de ser criança e adolescente". A secretária pediu aos novos membros do conselho foco em dois esforços para da atual gestão: a qualificação das estruturas e entidades e a possibilidade de captação de recursos para o fundo de políticas públicas voltadas para crianças e adolescentes.

ECA - O prefeito em exercício, José Fortunati, destacou os avanços das políticas públicas após a criação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), há 19 anos. "O dia 13 de julho de 1990 foi um marco histórico. Antes disso, nossas crianças e adolescentes eram tratados como marginais. Com o Estatuto, passou-se a ter um olhar mais humano e solidário na formação desses cidadãos", afirmou.

Fortunati lembrou a luta pelos direitos das crianças, com tensões democráticas e legítimas entre o poder público e da sociedade civil. “Agradeço a oportunidade de poder partilhar desse momento sublime, uma fiel leitura de como o poder público e a sociedade civil se organizam para defender e resgatar os direitos dos nossos futuros cidadãos”.

Risco social - O vice-prefeito enfatizou, ainda, a sua preocupação com as crianças em situação de risco. "Precisa avançar muito, continuaremos construindo de forma plural, ampla e consistente. Temos orgulho de ver, gradativamente, reduzir o número de crianças em situação de risco e a geração de uma sociedade mais fraterna”.

Também participaram da solenidade a secretária Municipal de Educação, Cleci Jurach; a presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedica), Luciana Scouto; o diretor técnico da Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc), Mauro Vargas; vereadores e representantes da sociedade civil organizada que lutam pelos direitos das crianças e adolescentes.

Veja a nova composição do conselho:
http://lproweb.procempa.com.br/pmpa/prefpoa/cs/usu_doc/cmdca2009.doc


CMDCA - O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente é um órgão deliberativo, normativo, formulador e controlador da política de atendimento dos direitos e funciona conforme o que preconiza a Lei Federal 8069/90 - Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e Lei Municipal 6787/91. Avalia, acompanha e controla ações governamentais e comunitárias.

É responsável pelo registro de entidades não-governamentais e governamentais que desenvolvem programas com crianças e adolescentes na forma dos artigos 90 e 91 da Lei Federal 8069/90. Cabe à prefeitura, através da Secretaria de Coordenação Política e Governança Local (SMGL), dar o suporte financeiro e administrativo para o funcionamento do Conselho, em conformidade com o artigo 12, da Lei Municipal 6787/91.

BLOGAGEM COLETIVA: INCLUSÃO SOCIAL


BLOGAGEM COLETIVA: INCLUSÃO SOCIAL
Data: 9 de março de 2009

A inclusão é um tema que está cada vez mais presente em estudos, publicações e também em artigos e notícias publicadas na web através dos blogs pessoais e institucionais. Acesse através do link abaixo reflexões e noticias sobre inclusão publicadas na "Blogosfera".

Se você conhece algum blog que traz informações interessantes sobre inclusão e direitos humanos, envie-nos um e-mail para: agencia.inclusive@gmail.com

Mais informações:
Site: http://agenciainclusive.wordpress.com

domingo, 8 de março de 2009

1º ALMOÇO DE 2009 DA ABSW

1º ALMOÇO DE 2009 DA ABSW (Associação Brasileira de Síndrome de Williams)
Data: 14 de março de 2009
Horário: 12h às 17h
Local: EMEI Ignácio Henrique Romero
(Alameda Jauaperi, 1639. Moema). São Paulo - SP
Mais informações:
Telefone: (11) 2291-2957

SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO


SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO
"Pensar avaliação em (situ) Ação: da teoria à mudança de programas"
Data: 23 de março a 3 de abril de 2009
Horário: 9h às 17h
Local: Salão Internacional da ENSP/ FIOCRUZ, 4º andar. Rio de Janeiro - RJ
Mais informações:
Telefone: (21) 2598-2861
E-mail: monitoringandevaluationseminar@gmail.com
Site:

MULHERES POSSÍVEIS...

MULHERES POSSÍVEIS...

Martha Medeiros



"Eu não sirvo de exemplo para nada, mas, se você quer saber se isso é possível, me ofereço como piloto de testes.
Sou a Miss Imperfeita, muito prazer.
Uma imperfeita que faz tudo o que precisa fazer, como boa profissional, mãe e mulher que também sou: trabalho todos os dias, ganho minha grana, vou ao supermercado três vezes por semana, decido o cardápio das refeições, levo os filhos no colégio e busco, almoço com eles, estudo com eles, telefono para minha mãe todas as noites, procuro minhas amigas, namoro, viajo, vou ao
cinema, pago minhas contas, respondo a toneladas de e-mails, faço revisões no dentista, mamografia, caminho meia hora diariamente, compro flores para casa, providencio os consertos domésticos, participo de eventos e reuniões ligados à minha profissão e ainda faço escova toda semana - e as unhas!
E, entre uma coisa e outra, leio livros.
Portanto, sou ocupada, mas não uma workaholic.
Por mais disciplinada e responsável que eu seja, aprendi duas coisinhas que operam milagres.
Primeiro: a dizer NÃO.
Segundo: a não sentir um pingo de culpa por dizer NÃO.
Culpa por nada, aliás.
Existe a Coca Zero, o Fome Zero, o Recruta Zero.
Pois inclua na sua lista a Culpa Zero.
Quando você nasceu, nenhum profeta adentrou a sala da maternidade e lhe apontou o dedo dizendo que a partir daquele momento você seria modelo para os outros.
Seu pai e sua mãe, acredite, não tiveram essa expectativa: tudo o que desejaram é que você não chorasse muito durante as madrugadas e mamasse direitinho.
Você não é Nossa Senhora.
Você é, humildemente, uma mulher.
E, se não aprender a delegar, a priorizar e a se divertir, bye-bye vida interessante.
Porque vida interessante não é ter a agenda lotada, não é ser sempre politicamente correta, não é topar qualquer projeto por dinheiro, não é atender a todos e criar para si a falsa impressão de ser indispensável.
É ter tempo.
Tempo para fazer nada.
Tempo para fazer tudo.
Tempo para dançar sozinha na sala.
Tempo para bisbilhotar uma loja de discos.
Tempo para sumir dois dias com seu amor.
Três dias.
Cinco dias!
Tempo para uma massagem.
Tempo para ver a novela.
Tempo para receber aquela sua amiga que é consultora de produtos de beleza.
Tempo para fazer um trabalho voluntário.
Tempo para procurar um abajur novo para seu quarto.
Tempo para conhecer outras pessoas.
Voltar a estudar.
Para engravidar.
Tempo para escrever um livro que você nem sabe se um dia será editado.
Tempo, principalmente, para descobrir que você pode ser perfeitamente organizada e profissional sem deixar de existir.
Porque nossa existência não é contabilizada por um relógio de ponto ou pela quantidade de memorandos virtuais que atolam nossa caixa postal.
Existir, a que será que se destina?
Destina-se a ter o tempo a favor, e não contra.
A mulher moderna anda muito antiga. Acredita que, se não for super, se não for mega, se não for uma executiva ISO 9000, não será bem avaliada.
Está tentando provar não-sei-o-quê para não-sei-quem.
Precisa respeitar o mosaico de si mesma, privilegiar cada pedacinho de si.
Se o trabalho é um pedação de sua vida, ótimo!
Nada é mais elegante, charmoso e inteligente do que ser independente.
Mulher que se sustenta fica muito mais sexy e muito mais livre para ir e vir.
Desde que lembre de separar alguns bons momentos da semana para usufruir essa independência, senão é escravidão, a mesma que nos mantinha trancafiadas em casa, espiando a vida pela janela.
Desacelerar tem um custo...
Talvez seja preciso esquecer a bolsa Prada, o hotel decorado pelo Philippe Starck e o batom da M.A.C.
Mas, se você precisa vender a alma ao diabo para ter tudo isso, francamente, está precisando rever seus valores.
E descobrir que uma bolsa de palha, uma pousadinha rústica à beira-mar e o rosto lavado (ok, esqueça o rosto lavado) podem ser prazeres cinco estrelas e nos dar uma nova perspectiva sobre o que é, afinal, uma vida interessante."

DIA INTERNACIONAL DA MULHER


HOMENAGEM ÀS MULHERES







MULHER

Ilsa da Luz Barbosa



Você que busca no dia a dia, sua independência,
sua liberdade, sua identidade própria;

Você que luta profissional e emocionalmente
para ser valorizada e compreendida;

Você que a cada momento tenta ser a companheira,
a amiga, a "rainha do lar";

Você que batalha incansavelmente por seus próprios direitos,
por um mundo mais justo e por uma sociedade sem violências;

Você que resiste aos sarcasmos daqueles que a chamam, pejorativamente, de feminista liberal e que já ocupa espaço na fábrica, na escola, na empresa e na política;

Você, eu, nós que temos a capacidade de gerar outro ser,
temos também o dever de gerar alternativas para que a nossa
Ação Criadora, realmente ajude outras mulheres a conquistarem a liberdade de Ser.

À você, Mulher,
felicidades valorizadas!!!

AVANTE, MULHER DEFICIENTE

AVANTE, MULHER DEFICIENTE

Francisco Medeiros Quarta


Irmã, quando nasceste, a sociedade
Pensou que o mundo inteiro ia ruir;
Se podes, elucida essa ignorância.
És membro activo desta Humanidade;
Tua oportunidade irá surgir;
Procura-a, com afinco, desde a infância!


Ultrapassa o desdém e a compaixão,
Numa luta, sem tréguas, dia a dia;
Não deixes sufocar a tua voz!
Neste apelo, eu pretendo dar-te a mão;
Vamos vencer, em mútua companhia,
Tanto egoísmo, neste mundo atroz!


Não me conheces de lado nenhum;
Podes, por isso, estar desconfiada,
Instinto natural de autodefesa.
Entre os seres humanos, sou mais um
Que, conseguindo a vida partilhada,
Quer para ti tal bem da Natureza!


Não falo a esmo: sou deficiente;
Por isso o teu problema é também meu!
Mas não podemos sossobrar, na vida!
Dentes cerrados, temos de ir em frente:
Cada mulher ou homem, se nasceu,
Terá os seus direitos, à partida.


No mundo há tempestades e bonança:
Não te envergonhes, nunca, de chorar,
Porque, logo a seguir, vem um sorriso!
Que vivas sempre envolta em confiança;
Através dela, poderás sonhar
Em erigir na terra um paraíso…


Nele serás a deusa da partilha,
Sempre disposta a dar e receber
Compreensão, carinho, amor, ternura!
Imagina tão doce maravilha:
Deficiente, embora, podes ter
Na vida, um belo oásis de ventura!


Um pouco de ilusão anestesia
Os fracassos, o medo, o sofrimento,
Que jamais poderemos evitar!
Mostremos sempre a quem nos desafia,
Que, com vontade, mesmo sem talento,
Unidos, poderemos triunfar!
Não desmazeles: tens também deveres,
Que deverás cumprir, integralmente;
Assim, jamais mendigarás o pão.
E, sendo igual a todas as mulheres,
Conquistaste, árdua, e muito honradamente,
O sagrado direito à profissão!


Com cadeira de rodas ou bengala,
Vences as dificuldades que aparecem,
E terá mais sabor tua vitória!
Perante as injustiças, quem se cala,
Tomba, vencido, todos logo o esquecem,
Porque dos fracos… não reza a História!...


E quando o coração de palpitar,
Não sufoques, jamais, teus sentimentos:
Se tens alma, desejas, boa amiga!
Não ligues a quem te ouse censurar!
Preconceitos são pérfidos tormentos:
Manifesta-te, mesmo rapariga!


A timidez também me amordaçou,
E quase nunca a consigo vencer:
Constantemente sou prejudicado!
O quotidiano não modificou
Esta conduta que, desde o nascer,
Me tem, até agora, acompanhado…


Não quero que outros passem privações,
Pois a vida não espera por ninguém;
Mal de quem não a sabe aproveitar!
Não silenciem vossos corações!
E quem os conquistar, seja por bem
Em partilha feliz, sempre a sonhar!...


Vai avante, mulher deficiente:
Com amigos, família, sê feliz,
E que todos te saibam respeitar!
Adversidades, tem-nas toda a gente!
Sê, no palco da vida, boa actriz,
Para o mundo aplaudir sempre a vibrar!


Físicas falhas sejam colmatadas
Com optimismo e força, em cada dia,
Espalhando a paz e o amor, sempre entre nós!
Partindo, idosas, bem realizadas,
Fique o doce perfume, que inebria,
Emoldurado pela “Nossa Voz”!

GALERIA TÁTIL DE ESCULTURAS BRASILEIRAS NA PINACOTECA

GALERIA TÁTIL DE ESCULTURAS BRASILEIRAS DO ACERVO
DA PINACOTECA DO ESTADO DE SÃO PAULO

As 12 obras que compõem a exposição, localizada no segundo andar do museu, permitem que visitantes com deficiências visuais possam apreciá-las de forma autônoma, tocando-as e recebendo informações por meio de etiquetas e textos em dupla leitura (tinta e Braille), além de áudio-guia.
Data: 7 de março de 2009 a 30 de dezembro de 2010 (terça-feira a domingo)
Horário: 10h às 18h
Local: Pinacoteca do Estado de São Paulo (Praça da Luz, 2). São Paulo – SP
Mais informações:
Telefone: (11) 3324-1000

INCLUSÃO SOCIAL É TEMA DE BLOGAGEM COLETIVA



INCLUSÃO SOCIAL É TEMA DE BLOGAGEM COLETIVA


Já são 180 blogs. No próximo dia 9 de março, todos eles participarão de uma blogagem coletiva sobre o tema da inclusão social. Terão espaço textos autorais e de terceiros, além de imagens, vídeos e outras mídias “blogáveis”. Abaixo segue uma pequena explicação da Ester Marques sobre a blogagem:

“A blogagem coletiva gira em torno de um tema central que é “Inclusão Social”, dentro desse tema há muito o que ser falado sobre as minorias marginalizadas, sejam elas moradores de rua, favelados, deficientes físicos, vítimas de racismo, vítimas de violências domésticas, viciados, etc… Você poderá postar um texto de sua autoria dando sua opinião, ou colocar texto de outros autores, escrever uma poesia, colocar vídeos, enfim, vc escolhe a maneira como vai postar.

Todos os participantes irão postar no mesmo dia, que é dia 9 de março de 2009. Se houver algum problema de postar nesse dia, postar antes e deixar para que os outros participantes possam ver sua postagem e comentarem. Todos irão visitar uns aos outros. A idéia é essa conhecermos novos pensares e novas pessoas.

Todos postarão em seus respectivos blogues. E se possível, colocar o selo da blogagem coletiva no lado direito de seu blog para ajudar na divulgação.”

É pra acompanhar.

sexta-feira, 6 de março de 2009

INCLUSÃO ESCOLAR E QUALIDADE DE ENSINO

CONFERÊNCIA "INCLUSÃO ESCOLAR E QUALIDADE DE ENSINO"
com o Prof. David Rodrigues (Universidade Técnica de Lisboa)
Data: 30 de março de 2009
Horário: 14h
Local: Auditório da Escola da Aplicação da Faculdade de Educação da USP
Av. da Universidade, 308. Cidade Universitária. São Paulo - SP

NÚCLEO DE COMBATE À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NO ES

MULHERES GANHAM NÚCLEO DE COMBATE À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NO ES


As mulheres do Espírito Santo têm agora um importante instrumento no combate à violência doméstica e familiar. Foi inaugurado na tarde desta sexta-feira (06 de março de 2009) um núcleo especial de atendimento na sede do Ministério Público, em Vitória - ES.

A iniciativa faz parte do projeto de efetivação da Lei Maria da Penha, que integra o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci). “A lei é um avanço. Um esforço do governo na efetivação dos direitos fundamentais, apoiando os tribunais de Justiça, promotorias e juizados especiais”, declarou o secretário de Reforma do Judiciário, Rogério Favreto.

Pesquisa divulgada pelo Senado mostra que 83% das mulheres já conhecem a Maria da Penha e pelo menos metade tem noção de algum instrumento protetivo. O Espírito Santo vai receber R$1,4 mi para o cumprimento de algumas metas. Entre elas, investimentos nos juizados de Vitória e Serra; a implementação de outros em Vila Velha e Cariacica; além de um núcleo de defesa da mulher na Defensoria Pública - com atuação nos quatro municípios.

Segundo o procurador-geral de Justiça, Fernando Zardini, a violência contra a mulher ganhou proporções endêmicas. “Em pleno século XXI sua prática ainda é registrada por pais, companheiros, namorados, irmãos e filhos em fatos lamentáveis que ocupam os noticiários do dia-a-dia. Além da violência física, ela é vítima no ambiente social e profissional. Isto sem falar das diversas formas de discriminação e no assédio moral”.

A representante da Comissão de Movimentos Sociais da OAB/ES, Ivone Vilanova, revelou que o convênio para a implantação do núcleo é uma reivindicação antiga. “Há mais de 10 anos lutamos pelos direitos das mulheres, pela lei Maria da Penha”. O Núcleo de Combate a Violência Doméstica e Familiar vai funcionar na sede do Ministério Público e contará com terá uma equipe multidisciplinar de psicólogos, pedagogos e assistentes sociais.

quinta-feira, 5 de março de 2009

SEMANA DA ÁGUA 2009


DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL É TEMA DA SEMANA DA ÁGUA 2009


Desenvolvimento sustentável e solidário (DSS) é um processo que não se reduz ao aspecto econômico, incluindo as dimensões sociais, culturais, políticas, ambientais e produtivas, com participação ativa da sociedade. Essa concepção foi elaborada ao longo dos anos pelos/as agentes Cáritas, fruto da experiência junto às comunidades em todo o Brasil.

Nesta Semana da Água, mobilização realizada há dez anos no período de 15 a 22 de março de 2009 pela Cáritas e entidades parceiras, o tema central é a necessidade cada vez mais urgente da organização de homens e mulheres na defesa de um modelo de desenvolvimento que seja sustentável e solidário.

O planeta sofre com a exploração de seus recursos naturais e responde com ondas de calor, secas, tempestades e inundações. Cabe a cada um de nós tomar o futuro em nossas mãos. Participe das atividades e ajude a divulgar as iniciativas em sua região. Em breve divulgaremos aqui a agenda de mobilização.

Mais informações:
Site: http://www.teste.caritasbrasileira.org/noticias.php?id=506&filtro=9

AULA INAUGURAL DE FILOSOFIA

AULA INAUGURAL DE FILOSOFIA
"Historical Explanation in Max Weber"
com o Prof. Dr. Michel Heidelberger (Universidade de Tübingen)
Data: 11 de março de 2009
Horário: 18h
Local: Auditório térreo do Prédio 5. PUCRS. Porto Alegre - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 3320-3554
E-mail: filosofia-pg@pucrs.br

MICOBACTÉRIAS DE CRESCIMENTO RÁPIDO


CAFÉ COM SAÚDE
MICOBACTÉRIAS DE CRESCIMENTO RÁPIDO, UMA EMERGÊNCIA EM SAÚDE
VIGILÂNCIA E CONTROLE DE RISCOS EM PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS
Data: 19 de março de 2009
Horário: 9h às 12:30
Local: Auditório Luiz Musolino da Secretaria de Estado da Saúde
(Av. Dr. Arnaldo, 351 (térreo). Cerqueira César). São Paulo - SP
Mais informações:

PROPOSTAS SOBRE SEXUALIDADE E DEFICIÊNCIA

JORNALISTA REÚNE PROPOSTAS
SOBRE SEXUALIDADE E DEFICIÊNCIA



Leandra Migotto Certeza levará sugestões da população aos participantes do I Seminário Nacional sobre Direitos Sexuais e Reprodutivos e Pessoas com Deficiência que acontecerá em março em Brasília.

A Convenção da ONU, sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, ratificada pelo governo brasileiro em 2008, reitera a necessidade de que os Estados Partes tomem medidas para assegurar o acesso de pessoas com deficiência a serviços de saúde, inclusive na área de saúde sexual e reprodutiva e de programas de saúde pública destinados à população em geral.

Constitui ação prioritária do Ministério da Saúde o fortalecimento da Política dos Direitos Sexuais e Reprodutivos, que vem sendo implementada através de ações intersetoriais e interministeriais. A Política Nacional de Saúde para Pessoas com Deficiência estabelece em suas diretrizes que ações voltadas para a saúde sexual e reprodutiva são elementos de atenção integral à saúde das pessoas com deficiência.

Considerando a transversalidade do tema com outras Políticas como Saúde da Mulher, Saúde do Jovem e Adolescente, Saúde do Homem, Saúde da Criança, Saúde do Idoso, Programa Nacional de DST/AIDS, a Área Técnica Saúde da Pessoa com Deficiência/Departam ento de Ações Programáticas Estratégicas/ Secretaria de Atenção à Saúde, promove desde 2007 de maneira mais sistemática, discussões para o estabelecimento de estratégias que atendam a demanda da população com deficiência no que se refere às questões de Direitos Sexuais e Reprodutivos.

Nesta perspectiva, o Ministério da Saúde promoverá no período de 23 a 25 de março de 2009, na cidade de Brasília/DF, o I Seminário Nacional sobre Direitos Sexuais e Reprodutivos e Pessoas com Deficiência.

Como o encontro é restrito há um grupo de profissionais da área, entre eles: diversas pessoas com deficiência e representantes de ONGs voltadas à inclusão desses cidadãos, a jornalista, com deficiência física, Leandra Migotto Certeza, convidada a participar do seminário, teve a iniciativa de coletar sugestões para encaminhar uma carta aos seus organizadores.

O documento será uma extensão da Carta de Florianópolis elaborada por especialistas no tema, em 25 de junho de 2008, como resultado do I Fórum Nacional sobre DST/Aids e Deficiências, um dos eixos temáticos do VII Congresso Brasileiro de Prevenção das DST/Aids, que se aconteceu até 28 de junho do mesmo ano.

A participação de profissionais da área; membros de instituições; órgãos públicos; educadores; e pessoas com deficiência é fundamental para que o maior número possível de vozes seja ouvido no I Seminário Nacional sobre Direitos Sexuais e Reprodutivos e Pessoas com Deficiência, em Brasília. Cabe a sociedade dizer o que precisa, como e porque para que o Governo Federal programe políticas públicas adequadas à realidade e às necessidades de cada cidadão, em relação aos Direitos Sexuais e Reprodutivos das Pessoas com Deficiência.

A teia da inclusão se faz quando cada um tece um pedacinho fundamental para a formação do seu todo. Por isso, se você faz parte de um Conselho Municipal e/ou Estadual, Associação, ONG, Instituto, Fundação, universidade, escola, e/ou milita na área social em algum movimento, ajude a redigir este importante documento.

Leia a Carta de Florianópolis e acrescente sugestões amplas e/ou específicas à ela. Todas as propostas serão bem vindas e levadas ao seminário, dia 23/03 em Brasília, pela jornalista. Para se informar sobre o tema, pesquise:
http://www.saci.org.br/index.php?modulo=busca&parametro=

Para saber sobre o fórum de Florianópolis:
http://www.saci.org.br/index.php?modulo=akemi&parametro=21747

Todas as propostas devem ser encaminhadas até dia 17/03/09 para leandramigottocerte za@gmail. com, junto com o completo do seu autor e/ou autores; identificação da instituição a qual é membro; um resumo de 5 linhas sobre o principal objetivo da instituição; cidade e estado que reside; RG; CPF; CNPJ; cargo que ocupa da instituição; e-mail; site; telefone para contato, e autorização para divulgação dos dados. Pessoas físicas que não estejam vinculadas a nenhuma instituição também deve participar, se identificando pelo nome completo, RG e profissão.

O documento será entregue aos responsáveis pela Área Técnica da Saúde da Pessoa com Deficiência do Governo Federal, juntamente com os contatos de todos que o redigiram. É a contrapartida ao trabalho voluntário em prol da inclusão que estes agentes sociais fizeram. Espera-se com esta ação, aumentar a rede de contatos entre profissionais da área que ainda não são conhecidos pelo Governo Federal.

A CARTA DE BRASÍLIA VIRTUAL (nome provisório para o documento) poderá ser divulgada por todas as mídias (desde que citadas todas as fontes) e seus redatores entrevistados. Desta forma o número de participantes em Brasília, de 23 à 25 de março, será bem maior! Contamos com a sua valiosa colaboração!

Maiores informações sobre a Carta de Brasília Virtual, telefone para Leandra: (11) 3453-5370 ou (11) 8697-9067.

CARTA DE FLORIANÓPOLIS
http://vivianwmissaglia.blogspot.com/2008/07/carta-de-florianpolis_01.html


FANTASIAS CALEIDOSCÓPICAS

É um projeto de pesquisa que busca retratar a imagem (na maioria das vezes, preconceituosa) que a sociedade tem em relação à sexualidade das pessoas com deficiência, e desmistificá- la por meio de um ensaio fotográfico sensual; exposição itinerante; duas publicações com entrevistas, depoimentos, ilustrações e artigos; e oficinas educativas interativas sobre saúde sexual, em instituições de ensino e centros culturais pelo Brasil, e países interessados em receber o projeto.

Pessoas com deficiência física, visual, auditiva, intelectual, múltipla e/ou surdocegueira, sejam elas: jovens; idosas; gestantes; obesas; casais homossexuais e/ou heterossexuais; de várias etnias e classes sociais foram convidadas pela fotógrafa Vera Albuquerque, junto com a jornalista, Leandra Migotto Certeza a mostrarem sua beleza e sensualidade. Para a fotógrafa, questiona-se, assim, o padrão de beleza - instituído pelos meios de comunicação e pela moral dominante - ressaltando a possibilidade de uma democratização do prazer, uma igualdade de direitos sexuais, uma disposição das mentes (e dos corações) contra os juízos prévios e os preconceitos. Para a jornalista, dar voz às imagens é tão importante quanto o registro fotográfico, pois é interessante conhecer as histórias de vida dessas pessoas, que em sua maioria ainda são bem pouco ouvidas. O enfoque está na arte e na educação como agentes transformadores da realidade, aliados à palavra, como testemunha dos fastos e detentora de um poder de mudança na sociedade.

A exposição será totalmente acessível: com piso podotátil, catálogos em Braille e em formato digital para pessoas com deficiência visual; intérpretes de LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais para pessoas com deficiência auditiva; entre outros recursos. As publicações e as oficinas também serão totalmente acessíveis para todas as pessoas com deficiência, produzidas e ministradas por esses profissionais. Toda a renda obtida com a venda das duas publicações e as oficinas será destinada, exclusivamente, às instituições não governamentais idôneas brasileiras, que proporcionam oportunidades de inclusão na sociedade às pessoas com deficiência, por meio de atividades artísticas e educacionais.

Á convite da Associação Internacional para o Estudo da Sexualidade, Cultura e Sociedade, as primeiras nove fotos foram expostas no 6º Congresso Internacional Prazeres Dês-Organizados – Corpos, Direitos e Culturas em Transformação, em Lima no Peru, em junho de 2007. O projeto ficou em segundo lugar (categoria pôster) na premiação do congresso!!

Hoje as idealizadoras de Fantasias Caleidoscópicas buscam patrocínios, apoios e/ou parcerias (cotas ou integral) de empresas particulares ou públicas; instituições de ensino e/ou não governamentais (nacionais e/ou internacionais) para viabilizar a realização completa do ensaio (cachê para as pessoas fotografas, transporte, estadia e todos os gastos com a produção das fotos); montagem da exposição acessível; produção das duas publicações também acessíveis; e custos das oficinas, ministradas por educadores com deficiência, em escolas públicas e privadas, universidades; além de centros culturais.

Além de escrever em seu BLOG Caleidoscópio, e ser Repórter SACI Voluntária da www.saci.org.br, Leandra também palestra sobre o tema. Em maio de 2008, falou sobre Sexualidade da Pessoa com Deficiência no Papo Inclusivo, encontro organizado pelo CEMUPI - Centro de Estudos Multidisciplinar Pró-Inclusão. O CEMUPI pertence à Faculdade de Educação do Centro Universitário Belas Artes e tem a co-gestão do Grupo de Estudos Projeto Roma Brasil e dos Papos Inclusivos do Grupo Síndrome de Down.

Mais informações sobre o projeto no link:
http://www.sxpolitics.org/mambo452/index.php?option=com_content&task=view&id=135

Contatos com as idealizadoras do projeto:

Leandra Migotto Certeza – Jornalista
Tel: (11) 3453-5370 ou (11) 8697-9067
E-mail: leandramigottocerteza@gmail.com
Blog: http://leandramigottocerteza.blogspot.com

Vera Albuquerque – Fotógrafa
E-mail: vera_foto@yahoo.com.br

DIREITOS SEXUAIS E REPRODUTIVOS E PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

I SEMINÁRIO NACIONAL SOBRE DIREITOS SEXUAIS E REPRODUTIVOS
E PESSOAS COM DEFICIÊNCIA
Data: 23 a 25 de março de 2009
Local: Brasília - DF

PESQUISA SOBRE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E HIV/AIDS

"PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E HIV/AIDS: INTERFACES E PERSPECTIVAS:
UMA PESQUISA EXPLORATÓRIA"

Como tudo começou

O Amankay Instituto de Estudos e Pesquisas foi contratado pelo Programa Municipal de DST/Aids, da Secretaria Municipal da Saúde, em setembro de 2007, para pesquisar a situação de vulnerabilidade das pessoas com deficiência (PcD) na cidade de São Paulo em relação ao HIV/Aids [1], pois este é um tema importante e infelizmente ainda bastante desconhecido.

O desconhecimento abrange aspectos quantitativos (como a prevalência do HIV/Aids neste segmento, que no Brasil corresponde a aproximadamente 27 milhões de pessoas [2]) e aspectos de natureza comportamental, representações simbólicas e temas correlatos. Há muito a conhecer e pesquisar. Como bem enfatizou o Dr. Dráurio Barreira (médico epidemiologista do Instituto de Saúde), antes de pesquisar aspectos referentes à prevalência, há que conhecer comportamentos ligados ao exercício da sexualidade e que são componentes de situações de vulnerabilidade. Esse foi o norte adotado por esta pesquisa.

Ao propor a pesquisa, o Programa Municipal de DST/Aids atendeu uma antiga reivindicação do movimento das pessoas com deficiência, a de conhecer suas necessidades no que se refere à saúde e especificamente em relação ao HIV/Aids, para elaborar ações e políticas públicas condizentes.

Essa não foi a primeira ação do Programa neste sentido; destacamos algumas, como a produção de materiais educativos sobre a prevenção do HIV/Aids, com a participação do Conselho Municipal da Pessoa Deficiente (CMPD), de São Paulo e de representantes de entidades da sociedade civil (2002), a realização do I Seminário Municipal da Saúde da Mulher com Deficiência, “Direito à Saúde com Dignidade: Sonho ou Realidade” - Coordenadoria de Participação Popular, Coordenadoria Especial da Mulher e CMPD, em parceria com as áreas técnicas da Saúde da Pessoa Deficiente e DST/Aids (SMS/SP), em 2002 e a II Conferência Municipal de DST/Aids, em 2005, quando foram aprovadas resoluções voltadas para a prevenção às DST/Aids em pessoas com deficiência, incluindo a necessidade de pesquisas para conhecer a dimensão da presença do vírus entre estas pessoas e de oferecer qualificação técnica para que PcD possam atuar como Agentes de Prevenção.

Portanto, a pesquisa a que nos referimos, que recebeu o título de “Pessoas com deficiência e HIV/Aids: interfaces e perspectivas” [3] representou um passo adiante nesta trajetória rumo ao conhecimento da problemática inserida na confluência destes temas.

A pesquisa foi iniciada pelo IS – Instituto de Saúde da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo. Porém, por questões administrativas internas ao órgão, a atividade foi interrompida e o Amankay foi contratado, em virtude de sua experiência anterior com este tema e deu continuidade ao processo já em andamento. A equipe permaneceu, com exceção de um Agente de Pesquisa.


Leia o artigo na íntegra em:
http://www.bengalalegal.com/amankay.php

ALERJ LANÇA CAMPANHA DE COMBATE À VIOLÊNCIA CONTRA MULHER

ALERJ LANÇA CAMPANHA DE COMBATE À VIOLÊNCIA CONTRA MULHER


A Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) lançou nesta quinta-feira a campanha “Eu Digo não à Violência contra as Mulheres”, em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o governo do estado e o Sindicado dos Médicos do Rio de Janeiro (Sinmed).

Segundo a presidente da comissão, deputada Inês Pandeló (PT), a iniciativa é focada no público masculino. “O objetivo da campanha é sensibilizar e mobilizar os homens para que eles sejam protagonistas no combate à violência contra as mulheres. O número de mulheres agredidas no Brasil, principalmente dentro de suas casas, é preocupante, sendo que muitas são mortas,” disse a deputada.

Durante o evento, procuradores, policiais, médicos, juízes e ativistas que trabalham em defesa dos direitos das mulheres relataram suas experiências ao longo do exercício da profissão.

A campanha irá se estender até o dia 31 de março e será divulgada nos principais meios de comunicação. De acordo com a deputada Inês Pandeló, as instituições envolvidas organizarão eventos para mobilizar os profissionais das áreas em que atuam.

Fonte: Agência Brasil

CURSO PARA DEIXAR DE FUMAR

CURSO DEIXANDO DE FUMAR SEM MISTÉRIOS
Data: 9 de março de 2009
Horário: 10h
Local: Hospital de Pronto Socorro (Av. Venâncio Aires, 1136). Porto Alegre - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 3289-7885

JORNADA COMEMORATIVA AO DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN EM SALVADOR

JORNADA COMEMORATIVA AO DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN:
CINQÜENTENÁRIO DA DESCOBERTA DA TRISSOMIA 21
Data: 20 e 21 de março de 2009
Local: Instituto de Biologia. UFBA. Salvador - BA
Mais informações:
Telefone: (71) 3283-6538, (71) 3283-6541
E-mail: seminariodown@gmail.com
Site: http://www.genetica.ufba.br

JORNADA DE ENFERMAGEM EM SAÚDE DA MULHER

2ª JORNADA DE ENFERMAGEM EM SAÚDE DA MULHER
DO INSTITUTO FERNANDES FIGUEIRA
"Assistência ao parto e nascimento"
Data: 13, 16 e 20 de março de 2009
Horário: 9h às 16:30
Local: Anfiteatro A do Centro de Estudos Olinto de Oliveira (CEOO). Rio de Janeiro - RJ
Mais informações:
Telefone: (21) 2554-1714

quarta-feira, 4 de março de 2009

CURSO SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO

CURSO SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO


Este curso traz uma introdução aos desafios do desenvolvimento da comunicação em crianças com autismo e apresenta os principais sistemas de comunicação idealizados para crianças com distúrbios do desenvolvimento e que não desenvolvem linguagem. Seu objetivo é fornecer técnicas de ensino da comunicação expressiva, em que a criança expressa seus desejos e necessidades. Aborda principalmente a comunicação por troca de figuras, através do PECS, mostrando as seis fases de treinamento neste sistema.

Data: 14 de março de 2009
Horário: 8h às 15h
Local: AMA-SP (Rua do Lavapés, 1123 esquina com Rua Luís Gama, 890. Bairro: Cambuci). São Paulo - SP
Mais informações:
Telefone: (11) 3376-4401

SINE PORTO ALEGRE OFERECE VAGAS DE CAIXA BANCÁRIO PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

SINE PORTO ALEGRE OFERECE VAGAS DE CAIXA BANCÁRIO PARA PCD


O posto do Sine Porto Alegre está selecionando candidatos a vagas de emprego pessoas com deficiências nos membros inferiores total ou com mobilidade parcial.

As vagas estão sendo oferecidas por um grande banco privado da cidade. Os candidatos com alguma dificuldade nos membros superiores que tenham condições de manusear dinheiro, moedas e de operar computadores também podem ocupar uma das vagas. Os portadores de deficiência auditiva também estão aptos, desde que o candidato seja oralizado. Os dois selecionados ocuparão a função de caixa bancário, o salário é de R$ 1,2 mil mais benefícios.

Os interessados podem procurar o posto do Sine Porto Alegre (Avenida Mauá, 1013. Centro), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. É necessário apresentar Carteira de Trabalho, número do PIS e Carteira de Identidade. Empresas interessadas no aproveitamento de mão-de-obra podem solicitar a visita dos captadores de vaga pelo telefone (51) 3289-4796, ou por e-mail sine@smic.prefpoa.com.br.

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA TÊM ACESSO GRATUITO À ÁREA AZUL

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA TÊM ACESSO GRATUITO
À ÁREA AZUL EM PORTO ALEGRE


A prefeitura, por meio da Secretaria Especial de Acessibilidade e Inclusão Social (Seacis), cadastra permanentemente pessoas com deficiência para habilitação à gratuidade no estacionamento rotativo pago da cidade (Área Azul). O acesso gratuito ao estacionamento é possibilitado mediante Adesivo de Identificação do Veículo e Credencial de Isenção. Pode ser cadastrado um único veículo por pessoa com deficiência ou transportador de pessoa com deficiência.

O candidato ao cadastro para habilitação pode valer-se do formulário para recurso e ressarcimento de multas da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) para preencher dados e assinatura. O formulário pode ser acessado aqui, ou ser retirado e preenchido pessoalmente na sede da secretaria (Siqueira Campos, 1.300, 2° andar, sala 202).

A entidade filantrópica com registro no Conselho Municipal de Assistência Social pode cadastrar veículo destinado ao transporte de pessoas com deficiência, desde que exceda o peso bruto total (PBT) de 3.500 kg e tenha licenciamento para no mínimo oito passageiros.

Documentos necessários para o cadastro:
1 foto 3x4 atual;
Cópia da carteira de habilitação ou identidade da pessoa com deficiência;
Cópia do certificado do veículo (CRLV) que conduzirá a pessoa com deficiência;
Atestado médico com data inferior a 90 dias, que conste:
DEFICIÊNCIA PERMANENTE (sendo este item obrigatório - exigido pela EPTC);
Nome/classificação da doença e CID (Código Internacional de Doença)
Formulário
Taxa de adesão no valor de R$ 9,70
Pessoas com deficiência que possuem o Passe Livre Municipal (Cartão TRI, com a data de validade vigente), ficam isentas em apresentar o Atestado Médico.

Mais informações:
Telefone: (51) 3289-1141
E-mail: ouvidoria@seacis.prefpoa.com.br

ATIVIDADES COMEMORAM DIA INTERNACIONAL DA MULHER


ATIVIDADES COMEMORAM DIA INTERNACIONAL DA MULHER


A prefeitura realizará neste mês atividades para comemorar o Dia Internacional da Mulher, celebrado no próximo domingo, 8. Coordenados pela Secretaria Municipal de Coordenação Política e Governança Local, os eventos abrangem todos os órgãos do governo municipal.

Três eventos envolvem todas as secretarias municipais, na sexta-feira, 6, no sábado, 7, e domingo, 8. No dia 6, às 15h, o prefeito José Fogaça e secretários municipais assinam o Termo de Políticas Públicas pela Equidade. A solenidade será no Salão Nobre do Paço Municipal.

A atividade de sábado, é o Ato de Mulheres Gremistas e Coloradas pela paz nos estádios, que consiste na concentração de mulheres na Esquina Democrática e caminhada até o Paço Municipal. Com a participação do prefeito, darão um abraço na prefeitura, demonstrando a união das mulheres das principais torcidas de futebol porto-alegrense em prol da paz.

No dia 8, Dia Internacional da Mulher, as atividades acontecerão no Brique da Redenção, a partir das 10h, com uma caminhada de mulheres que, acompanhadas do prefeito José Fogaça e da primeira-dama, Isabela, até o Monumento ao Expedicionário, onde serão realizadas ações de esclarecimento sobre as políticas de gênero.

Acesse a programação da Secretaria Municipal de Saúde, que inclui a realização de exames preventivos, necessários para garantir a saúde da mulher no site:
http://www2.portoalegre.rs.gov.br/cs/default.php?reg=103838&p_secao=3&di=2009-03-03

Confira as atividades da prefeitura alusivas ao 8 de março no site:

SAÚDE PROMOVE ATIVIDADES ALUSIVAS AO DIA DA MULHER

SAÚDE PROMOVE ATIVIDADES ALUSIVAS AO DIA DA MULHER


Doenças do coração e câncer de mama são as maiores causadoras de morte entre mulheres na Capital. Em função disso, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) elaborarou uma programação especial para celebrar o Dia Internacional da Mulher (8 de março).

Ao longo do mês, de forma gratuita, serão realizados exames citopatológicos, mamografias, colesterol, triglicerídeos e outras atividades que facilitem o acesso das mulheres aos serviços preventivos de saúde oferecidos pela prefeitura.

Segundo a coordenadora das Políticas de Saúde da Mulher, Luciane Rampanelli Franco, desde 1980, a principal causa de mortes entre mulheres de Porto Alegre é a doença cardiovascular, sendo que em 2007 os distúrbios cardiovasculares apresentaram uma porcentagem de 34,6% das mortes e as neoplasias chegaram a 23,7%. Conforme Luciane, as mortes por câncer de mama têm se mantido em patamar alto e estável. "Nos últimos cinco anos, a média foi de 200 mortes por ano entre mulheres", explica. Já o câncer de colo de útero tem apresentado tendência de queda na mortalidade, sendo que até 2007 se encontrava abaixo de 50 mortes/ano.

Atividades - A realização de exames de prevenção como o citopatológico, mamografias, colesterol, triglicerídeos e glicemia de jejum são algumas atividades programadas para o mês de março. Grupos, oficinas e palestras sobre planejamento familiar, prevenção do câncer de mama, violência contra a mulher e embelezamento também serão desenvolvidas nas unidades de saúde durante o mês.

Dia 13 de março, o PSF Santa Marta promove banca de prevenção do câncer de mama e de colo uterino. Dia 21 de março, o Centro de Saúde Modelo realiza Coleta de CP, oficina de beleza de dança e expressão corporal. A comunidade também poderá acompanhar palestra sobre violência contra a mulher, a partir das 8:30, na UBS Passo das Pedras (dia 24).


Prevenção - Veja algumas dicas de cuidado com a saúde para prevenção de doenças cardiovasculares: prática de atividades físicas regulares, dieta saudável e avaliação clínica regular, principalmente após os 40 anos.

As mulheres devem fazer mensalmente o auto exame da mama e o exame clínico da mama (anual) com profissional capacitado. As mulheres acima de 35 anos, e com fatores de risco para câncer de mama (histórico familiar), devem fazer exame clínico e mamografia anual.

Todas as mulheres acima de 50 anos devem fazer mamografia anual. O exame citopatológico do cólo do útero deve ser realizado desde o início das relações sexuais ou acima de 18 anos, anualmente, após dois exames normais, esta paciente poderá fazer o exame a cada três anos.

CURSO COZINHA BRASIL

CARRIS OFERECE CURSO COZINHA BRASIL À COMUNIDADE


A Cia. Carris Porto-Alegrense promove, de 9 a 13 de março de 2009, o curso Cozinha Brasil do Serviço Social da Indústria (Sesi). As aulas são abertas a colaboradores e da empresa e a comunidade em geral.

A turma para multiplicadores será das 7:30 às 12:30. Para uso pessoal há três opções: das 13h às 15:30, das 15:45 às 18:15 e das 18:30 às 21h. As aulas serão ministradas na sede da União Social dos Empregados da Carris (Rua Frei Antônio de Caxias, 300, atrás da empresa). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até sexta-feira no Serviço Social da empresa, pelos telefones (51) 3289-2135 e (51) 3289-2182, das 8h às 12h e das 13:30 às 17:30.

Cozinha Brasil - O curso trabalha o aproveitamento integral dos alimentos, sem desperdiçar cascas e talos, proporcionando à população mais saúde e menos gastos financeiros. A atividade é realizada numa parceria do Serviço Social da Indústria (Sesi/Fiergs), com a Coordenação de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Cosans) da prefeitura.

O programa Cozinha Brasil é uma iniciativa do Conselho Nacional do Sesi. No Rio Grande do Sul, funciona desde janeiro de 2005 com duas unidades móveis. De acordo com o coordenador da Cosans, Carlos Antônio Silva, o objetivo é proporcionar condições para que cada pessoa treinada possa se tornar um multiplicador, levando os conhecimentos para as comunidades, para seu lar e local de trabalho, principalmente quem está ligado às cozinhas comunitárias.

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

PROGRAMAÇÃO DO DIA INTERNACIONAL DA MULHER EM PORTO ALEGRE
COMDIM E FÓRUM MUNICIPAL DE MULHERES PORTO ALEGRE/RS

Data: 4 de março de 2009
Horários:
12h - Ato na Esquina Democrática
14h - Audiência com Prefeito Municipal
17h - Reunião com a Comissão de Mulheres Advogadas da OAB na Sala 10 do Mercado Público

Data: 8 de março de 2009
Local: Brique da Redenção

Data: 11 de março de 2009
9:30 - Atividade do Conselho Estadual da Mulher no Largo Glênio Peres

Mais informações:
Telefone: (51) 3286-6787
E-mail: comdim@gp.prefpoa.com.br
Site: http://www.comdim-poa.ufrgs.br

ENCONTRO DE ANGIOLOGIA E DE CIRURGIA VASCULAR


XXIII ENCONTRO DE ANGIOLOGIA E DE CIRURGIA VASCULAR DO RIO DE JANEIRO
Data: 19 a 21 de março de 2009
Local: Windsor Barra (Av. Sernambetiba, 2630. Barra da Tijuca). Rio de Janeiro - RJ
Mais informações:
Telefone: (21) 2533-7905
E-mail: eventos@sbacvrj.com.br
Site: http://www.sbacvrj.com.br/encontro-carioca/2009/index.php

POLÍTICAS PÚBLICAS DE DIREITOS SEXUAIS E REPRODUTIVOS

RODA DE MATE - DEBATE SOBRE
“Políticas públicas de direitos sexuais e reprodutivos:
o caso dos implantes subcutâneos na cidade de Porto Alegre”
Data: 4 de março de 2009
Horário: a partir das 19h
Local: Sede do Laboratório de Políticas Públicas e Sociais - LAPPUS
Av. Getúlio Vargas, 290. Bairro: Menino Deus. Porto Alegre - RS
Mais informações:
Telefone: (51) 3062-0013
Site: http://www.lapppus.org.br

QUADRO DA VIOLÊNCIA INSTITUCIONAL NO BRASIL

QUADRO DA VIOLÊNCIA INSTITUCIONAL NO BRASIL
PORTO ALEGRE - RS


Prezados amigos, amigas, companheiros e companheiras de lutas,


Como membro da Comissão de Direitos Humanos da OAB/RS, fui incumbido pela coordenação da referida comissão para responder à consulta da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB, que está imbuída de traçar o Quadro da Violência Institucional no Brasil.

A colaboração que nos foi solicitada, refere-se a apontar as mais preocupantes e recorrentes violações aos direitos humanos no sistema prisional do Rio Grande do Sul.

Dessa forma, conto com a colaboração dos companheiros (as), em especial aqueles ligados à questão prisional, como o MP; Pastoral Carceráriaria, Conselho Penitenciário, Familiares de Presos, etc, para que me enviem as sua contribuições para que eu possa enviar o relatório à Comissão Nacional.

Solicito resposta, se possível até o dia 10 de março de 2009.

Desde já agradeço a atenção de todos.

Roque Soares Reckziegel
roquereckziegel@hotmail.com

SEMINÁRIO DE INOVAÇÕES PEDAGÓGICAS


III SEMINÁRIO DE INOVAÇÕES PEDAGÓGICAS
"Inovando nos Processos de Ensino e Aprendizagem"
Data: 10 a 12 de março de 2009
Local: Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). São Carlos - SP
Mais informações:
Telefone: (16) 3351-9589, (16) 3351-8434
E-mail: coordped@ufscar.br
Site: www.ufscar.br/inovacoespedagogicas

VI SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA DA COLUNA VERTEBRAL

VI SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA DA COLUNA VERTEBRAL
Data: 27 e 28 de março de 2009
Locais:
Hospital Abreu Sodré (AACD/SP): cirurgias ao vivo
Av. Professor Ascendino Reis, 724. Ibirapuera. São Paulo - SP
Bourbon Convention Ibirapuera: conferências
Av. Ibirapuera, 2927/ 2907. Moema. São Paulo - SP
Mais informações:
Telefone: (11) 5576-0979
E-mail: fsauron@aacd.org.br
Site: www.aacd.org.br

CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2009

CNBB LANÇA CAMPANHA DA FRATERNIDADE
COM O TEMA “A PAZ É FRUTO DA JUSTIÇA”

Frei Betto


Inicia-se, nesta Quaresma, a 47ª edição da Campanha da Fraternidade (CF), promovida pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). O tema deste ano é “Fraternidade e segurança pública”, e o lema “A paz é fruto da justiça” (Isaías 32, 17).

Segundo o documento da CF, entre os objetivos se destacam “suscitar o debate sobre segurança pública e contribuir para a promoção da cultura de paz; denunciar os crimes contra a ética, a economia e as gestões públicas, assim como a injustiça presente nos institutos de prisão especial, do foro privilegiado e da imunidade parlamentar para crimes comuns; favorecer a articulação de redes populares e de políticas públicas com vistas à superação da violência; apoiar as políticas governamentais valorizadoras dos direitos humanos”.

A CNBB aponta três tipos de violência predominantes no Brasil: a estrutural, que nega cidadania a uma parcela da população e discrimina os “diferentes”; a física, como a tortura, a agressão à mulher, a exploração laboral e sexual de crianças; e a simbólica, através de ameaças e constrangimentos, negação de informação e disseminação da cultura do medo.

Talvez a mais freqüente e dissimulada seja a que ocorre dentro dos lares, desde maus tratos a empregadas às brigas entre casais; a agressão à mulher e aos filhos; as dependências químicas; o descaso pelos idosos; a pedofilia indenunciada e recorrente.
Uma das formas de violência mais visíveis hoje é a ambiental, que promove o desmatamento e a poluição das águas e do ar, favorece a emissão de CO2 na atmosfera e o aquecimento global; reduz a biodiversidade e as fontes de alimentos saudáveis. Há também a sutil, como alimentos transgênicos não-identificados, embalagens perniciosas à saúde, produtos com substâncias químicas nocivas.

Os dados da CNBB mostram que indígenas e pequenos agricultores têm perdido suas terras e sido assassinados em decorrência de conflitos fundiários. “Como não há limites, os que têm dinheiro se tornam proprietários da maior parte das terras; no outro extremo, quem não tem como comprar, fica sem nada, sem lugar para trabalhar e para viver. Como surgem os Sem-Terra e os Sem-Teto organizados, exigindo seus direitos, nada mais fácil que cresça a acusação e a imagem de que são baderneiros e, no limite, terroristas, e que ela seja combinada com o sentimento geral de que a violência direta ou a repressão policial é o prêmio destinado a quem se rebela contra a própria sorte” (p. 185).

A violência não reside apenas em agressões evidentes. Ela se imiscui até mesmo no nosso modo de pensar e falar, no discurso que considera a paz resultado do equilíbrio de forças (”mais cadeias, mais repressão”) e não fruto da justiça. Há ainda a violência da mídia que invade os lares com programas pornográficos, exaltando a imbecilidade, a ociosidade vadia, o sucesso e a fama dos que transgridem as leis.

A CNBB propõe que o tema da segurança pública seja debatido em escolas, igrejas, fóruns, mídias. Sugere que se promova o diálogo com o poder público para a elaboração de programas, leis e políticas de segurança; que sejam organizados atos públicos em favor do tema; criem-se comissões de justiça e paz e de direitos humanos que possam acompanhar casos de violação desses mesmos direitos; denuncie e combata-se toda forma de trabalho escravo, de tráfico de pessoas, de exploração sexual, de violência doméstica.

Na prática de Jesus, três atitudes antiviolência se destacam: a humildade (fazer-se criança, Mateus 18, 4); o amor aos pobres e excluídos (Mateus 18,10 e 25, 31-40); o perdão (Mateus 18, 22). E o programa de justiça, capaz de engendrar a paz, contido no Sermão da Montanha (as bem-aventuranças Mateus 5, 1-12).

O documento da Campanha da Fraternidade 2009 pode ser adquirido em livrarias católicas ou via: vendas@edicoescnbb.com.br